Festividades do 9º aniversário da CEPEA são encerradas com êxito

O tema era: “Até Aqui nos Ajudou o Senhor”. A expectativa era grande. Ainda mais porque o pregador, pastor Ronie Batista, da Igreja O Brasil Para Cristo-CG, escolhido para aquela noite é conhecedor da Palavra de Deus. Nada disso. Deus queria falar (e falou) de outra forma e que mensagem! Ela veio cortando o coração dos jovens e exortando os casais através da “Santificação nos Relacionamentos – Libertando-se da Imoralidade Sexual”, com base no texto de 1 Tessalonicenses 4:1-8.

De acordo com o pregador, o pecado sexual tem sido responsável pela desintegração da família. E, consequentemente, da igreja.

“Atualmente, temos um padrão de vida melhor no aspecto social, mas, moralmente, estamos em queda livre. Evoluímos de um lado, mas não evoluímos de outro. E qual a razão? A promiscuidade que a sociedade moderna vive”, disse.

O pastor ressaltou que em todas as listas pecados que a Bíblia destaca, quem sempre encabeça são os pecados sexuais.

Isto não significado que um pecado sexual é mais danoso que outro. Não. Todos são pecados no mesmo patamar. Porém, o pecado sexual é mais danoso no sentido de trazer mais vexame ao indivíduo, à família, à sociedade e à igreja.

“Quando os nossos primeiros pais pecaram no Éden, a primeira parte do corpo que eles cobriram foi a parte íntima com uma folha de figueira. E Deus matou alguns animais e cobriu-os com roupas de pele”

De acordo com Ronie Batista, a igreja de tessalonicenses foi fundada em três sábados durante as pregadores do apóstolo Paulo na sinagoga. Mas devido a perseguição, ele foi embora e mandou Timóteo ir lá e levar um relatório. E dois problemas foram detectados: Eles tinham dúvidas quando o tempo da volta de Jesus Cristo e a imoralidade sexual.

Por isso, Paulo escreveu a carta aos tessalonicenses rogando que eles vivessem intensamente e que, pelo amor de Deus, praticassem a obediência. Em seguida, ele exorta o povo daquela igreja a continuar progredindo, seguindo o Caminho (Jesus Cristo) e Agradando a Deus (O sermão completo pode ser ouvido pelo www.facebook.com/PR.GOMESSILVA).

 

APRESENTAÇÃO

Antes da mensagem foram registrados vários momentos dentro do culto, que encerrou as festividades alusivas ao 9º aniversário da igreja anfitriã.
Inicialmente, Sterphanyohanson entoou louvores ao lado de Joel. Em seguida, o grupo “As Filhas de Sião”, da Igreja Congregacional fez belíssima apresentação assim como aconteceu com o grupo “Sementes da Fé”, da Igreja O Caminho da Graça de Deus. O grupo de louvor da União Feminina Expressão de Amor (UNIFEA) também fez sua participação.

Mas, em termo da igreja local, a expectativa girava em torno da participação do Grupo de Gestos das Senhoras, que teve a participação de duas jovens. Foi realmente uma apresentação que tocou o coração dos presentes. Contava a história da prisão de Paulo e Silas.

A noite teve ainda a entrega de comendas a pessoas que contribuíram para com a reforma do prédio onde a CEPEA se reúne, bem como para as festividades do 9º aniversário da igreja.

Grupo de Gestos da UNIFEA – uma bonita apresentação, contando a história de Paulo e Silas na prisão [Foto: Lázaro]
Grupo Filhas de Sião, da Igreja Congregacional [Foto: Lásaro/CEPEA]
grupo “Sementes da Fé”, da Igreja O Caminho da Graça de Deus [Foto: Lásaro/CEPEA]
Entrega de comendas a pessoas que contribuíram para com a reforma do prédio onde a CEPEA se reúne [Foto: Lázaro / CEPEA]
PRÓXIMO ANO

A direção da CEPEA já iniciou os contatos no sentido de definir os preletores para 2019, inclusive com a possibilidade de termos no encerramento uma pregador da Assembleia de Deus do Rio de Janeiro.

Outro pregador que deverá ser confirmado na próxima semana é o pastor Nito, da Igreja Assembleia de Deus de Picuí-PB.

Quanto à participação musical, um grupo do Brejo já foi contatado para encerrar o evento com a pregadora do Rio de Janeiro. Caso contrário, estará a abertura do evento.

 

Da Redação

Redação: CEPEA - PB

A CEPEA-PB é um ministério da Palavra de Deus voltado para expandir o Reino de Deus, reunir os servos de Deus em adoração e promover a comunhão mútua entre o povo do Senhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *